Brasília ganhará Centro de Justiça, Cidadania e Cultura

sandra_excajeSandra Faraj participa da solenidade de lançamento das obras na Asa Norte. Espaço vai abrigar o Fórum da Infância e Juventude e equipamentos culturais e de lazer abertos à comunidade

O antigo Centro de Atendimento Juvenil Especializado (CAJE) da 916 norte será transformado num amplo espaço cultural e esportivo, além de abrigar as varas do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios (TJDFT) destinadas a crianças e adolescentes. Nesta manhã de sexta-feira (13/11), foi lançada a pedra fundamental das obras que vão transformar o local no Centro de Justiça, Cidadania e Cultura. A deputada Sandra Faraj (Solidariedade) participou da solenidade.

Conforme o projeto arquitetônico licitado, serão construídos cinco prédios, que reunirão varas da infância e da juventude, núcleo social, centro de cultura, teatro, arena coberta, pavilhão multiuso, memorial, além de espaços destinados ao esporte e lazer abertos à comunidade. “Estamos reescrevendo os rumos desse espaço, que já acolheu tantas histórias tristes, quando aqui funcionava o Caje”, afirma Sandra Faraj ao lembrar dos registros de morte e violência do antigo centro de atendimento.

Durante o evento, o presidente do TJDFT, desembargador Getúlio de Morais, assinou ordem de serviço que prevê início das obras para a próxima segunda-feira (16/11). O complexo do Centro de Justiça, Cidadania e Cultura deve ficar pronto até 2018.

Veja Também

Participe Comentando

' .